Artigo: 3 segredos para comunicação com amor entre casais

A comunicação é um elo muito importante entre o casal.

Existem muitos sons que penetram em nossa mente, esses sons não são especificamente relacionados à música, mas a qualquer tipo de comunicação que nos oriente a tomar muitas decisões em nossa vida. Todos os dias somos conduzidos a seguir esses sons, em outras palavras, as vozes que nos alertam a respeito de como resolver os problemas que podem surgir no trabalho ou até mesmo em pequenas coisas que devemos resolver em nosso lar ou em nossa vida pessoal.

Na vida de um casal, para que as atividades corriqueiras não atrapalhem a relação, é importante aprender a se comunicar melhor. É como a música, pois o que compõe uma bela canção é a junção de cada nota bem distribuída em cada compasso, e desta forma eles se entrelaçam e se completam.“Não deixeis palavras dura vossos lábios pronunciar” (Horatio Richmond Palmer)

Quando estamos em um momento de conflito com o cônjuge, parece impossível estabelecer uma comunicação harmônica, os sons ocasionalmente podem ser de palavras rudes e ásperas com intenções de magoar corações, entretanto, quando construímos uma relação em que o alicerce é baseado no respeito, na admiração, na amizade, na cumplicidade, no carinho e primordialmente no amor, encontramos motivos suficientes para estabelecermos metas com o intuito de sermos melhores maridos e esposas.

Afinal quais os segredos da comunicação com amor entre casais?

1. Escolha bem as palavras: A maioria dos desentendimentos acontece porque não sabemos escolher as palavras certas para falar, segue abaixo um exemplo:

Errado: ”Eu sei o que estou fazendo porque sou eu quem trabalha com isso.”

Certo: ”Amor, deixa eu te explicar: no caso do meu trabalho funciona de uma forma diferente, mas eu vou pensar no que você me falou e vou avaliar bem como resolver.”

As palavras têm muito poder, saiba escolher com cuidado o que irá dizer, explicar de uma forma menos agressiva pode ajudar seu cônjuge a sempre estabelecer uma relação de diálogo e ele(a) não ficará com medo de falar o que pensa.

2. Muito amor e carinho: Procurem conversar demonstrando o quanto a opinião do outro é importante, seja carinhoso(a), faça isso com pequenos atos demonstrando interesse sincero no que o outro está falando. Como é bom saber que o sentimento do cônjuge é verdadeiro e que você pode confiar; ao praticar isso, a capacidade de ter uma comunicação cada vez mais agradável em sua relação aumentará, é igual emprego: quanto mais experiência você adquire, mais capacidade de resolver problemas no trabalho você terá. Na relação não é diferente, o tempo traz as experiências necessárias para que a relação seja cada vez mais unida e forte.

3. Paciência: Nem sempre combinaremos em todas as coisas, ou seja, vai ter dias que as discordâncias podem acontecer e neste caso é necessário entrar em consenso com o cônjuge, por isso, não deixe que a falta de paciência impere nesses momentos porque depois, para que a relação volte a ser pacífica, alguém terá que pedir desculpas, lembre-se que a paciência é uma virtude.

“Reservar tempo para conversar é essencial para manter intactas as linhas de comunicação.” (Russell M. Nelson)

No dicionário a palavra comunicação significa “a capacidade de trocar e discutir ideias, de dialogar e de conversar, com vista ao bom entendimento entre pessoas”, portanto a comunicação entre um casal não pode ser de qualquer forma, assim como a música precisamos deixar as notas do amor e o compasso do respeito fazerem parte de nossa vida.

“A vida tem sons que pra gente ouvir precisa entender que um amor de verdade é feito canção, qualquer coisa assim, que tem seu começo, seu meio e seu fim.” (Roupa Nova)

- Artigo de: http://familia.com.br/3-segredos-para-a-comunicacao-com-amor-entre-casais#sthash.jP0P3BHh.dpuf

RECEBA NOSSAS DINÂMICAS GRATUITAMENTE EM SEU E-MAIL

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>